Porta-aviões chinês chega ao mar de Hong Kong

0
119

O primeiro porta aviões operacional da China, o Liaoning, chegou hoje (8) a Hong Kong. Sua primeira viagem fora da China continental faz parte dos eventos de comemoração ao 20º aniversário da entrega de Hong Kong da Grã-Bretanha para a China, seguindo a visita do presidente chinês Xi Jinping à península na semana passada.

Durante sua viagem, Xi advertiu que qualquer desafio para o governo de Pequim seria “inadmissível” e reforçou os laços com a eleita em Hong  Em 2014, Pequim disse que permitiria que Hong Kong eleger seu líder diretamente, mas apenas a partir de uma lista de candidatos pré-aprovados. Isso levou a protestos em massa- conhecidos como o movimento guarda-chuva – exigindo o sufrágio universal e independência.

A visita de Xi à cidade veio sob uma forte força-tarefa da polícia honcôngue. Após sua partida no sábado, milhares de pessoas marcharam em um evento anual pedindo mais democracia no processo eleitoral. Ainda assim, os protestos foram menores do que o dos últimos anos e o movimento vem recrudescendo com a presença cada vez mais forte dos chineses em Hong Kong.

Porta-aviões Liaoning atravessa o mar de Hong Kong