China envia forte força militar em direção a embarcação dos EUA no Mar do Sul da China

0
3714
Americanos fazem exercício militar no mar do Sul da China e provocam reação de Beijing. Foto: AFP

Caças e navios militares da China estão nesse momento em direção ao mar do sul da China para alertar o contratorpedeiro norte-americano USS Stethem sobre sua posição em águas chinesas. Pequim acusa Washington de invadir sua soberania nas ilhas Xisha-Paracel, de domínio chinês.

A Marinha dos EUA alega conduzir um ‘exercício de  liberdade de navegação’ em torno da ilha de Triton, no arquipélago de Paracel, área reivindicada por China, Vietnã e Taiwan. O destroyer USS Stethem chegou a ficar a uma distância de 12 milhas, entrando em território reivindicado pelos chineses. A ação é vista como uma clara provocação militar por parte dos EUA, a segunda desde a posse de Trump.

O exercício militar desse domingo veio dias depois da administração Trump realizar uma série de movimentos contrários à política chinesa, incluindo sanções contra entidades chinesas que fazem negócios com a Coréia do Norte e a aprovação de uma nova venda de armas para Taiwan.

O Pentagono ainda não comentou o caso.