China promove conferência com países de língua portuguesa

0
169

Comercio entre países movimentou U$ 51 bilhões, até julho de 2016

Macau recebe nos próximos dias 11 e 12 deste mês a 5ª Conferência Ministerial do Fórum para a Cooperação Econômica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa. De acordo com as estatísticas dos Serviços da Alfândega da China, as trocas comerciais entre a China e os Países de Língua Portuguesa, de Janeiro a Julho de 2016, foram de U$ 51 bilhões, uma queda de 12,25% em relação ao mesmo período de 2015.

Durante o evento, serão realizadas a cerimônia de abertura do fórum, a cerimônia de criação do projeto do complexo de serviços comerciais entre a China e os países de língua portuguesa, além da reunião ministerial, entre outras atividades.

Confirmaram presenças o primeiro-ministro de Cabo Verde, Ulisses Correia e Silva, o primeiro-ministro da Guiné-Bissau, Baciro Djá, o primeiro-ministro de Moçambique, Carlos Agostinho do Rosário, o primeiro-ministro de Portugal, António Costa, o ministro da Economia de Angola, Abraão Gourgel e o ministro da Agricultura e Pesca do Timor Leste, Estanislau da Silva. O Brasil será representando por Marcos Pereira, ministro da Indústria, Comércio e Serviços.

A China estabeleceu a Região Administrativa Especial de Macau como a sua plataforma para o reforço da cooperação econômica e comercial com os países de língua portuguesa em 2003, ano em que criou o Fórum Macau (Fórum para a Cooperação Econômica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa), que se reúne, em nível ministerial, de três em três anos.

Fonte: CRI/Forum PLP/BCReport