Sansha quer ser uma espécie de Ilhas Maldivas

0
165

BCReport

Sansha, a cidade mais ao sul da China quer se tornar uma espécie de Ilhas Maldivas, o paradisiaco destino internacional no Oceáno Índico, segundo anunciou esta semana o prefeito, Xiao Jie, sem precisar quais das ilhas serão transformadas nesse eden.

“Vamos desenvolver algumas ilhas e recifes para acomodar um seleto número de turistas”, disse Xiao Jie em entrevista ao China Daily, sobre a região que desde 2013 já recebe cruzeiros turísticos, como parte dos esforços para aumentar a sua presença civil no Mar do Sul da China, uma área que o país reivindica e que está em disputa internacional. No ano passado foram 65 cruzeiros e 16 mil passageiros viajando.

Segundo o prefeito, que preve esportes aquáticos na área, Sansha vai se tornar uma grande atração turística e será um posto-chave na estrada de seda marítima. A cidade, fundada em 2012, administra uma área marítima de 2 milhões de quilômetros quadrados.

“Vai ser um processo ordenado e gradual”, disse ele, acrescentando que os locais abertos ao público e os turistas será ilhas e recifes que não precisam de uma presença militar.